Início

“…a obra de arte é um meio com o qual o homem exterioriza o que ele mesmo é.”
Friedrich Hegel

Nosso blog surge, principalmente, da necessidade de criar um espaço de debates para a compreensão das temáticas discutidas pelo Grupo de Estudos Ciências Sociais e Artes, vinculado ao NEI – Núcleo de Estudos e Pesquisas Indiciárias/UFES, coordenado pelo professor Claudio Marcio Coelho.

Discutimos conceitos-chaves como Estética, Semiótica e Indiciarismo a partir do diálogo das Ciências Sociais com as Artes: fotografia, música, literatura, cinema, teatro, quadrinhos e arte digital. Essas temáticas buscam uma abordagem compreensiva dos diálogos e interfaces entre a Teoria Social e a Teoria da Arte.

O material aqui publicado tem por objetivo promover a interação com os leitores e, por conseguinte, estimular comentários, críticas e sugestões, que contribuam para o aprimoramento das interpretações fomentadas nessa mídia.

Nosso grupo é formado por editores que gerenciam as seguintes áreas: Artes plásticas e visuais (Matheus Mariani), Cinema (Pedro Lukas Trindade), Cultura Popular (Clara Crizio), Literatura e Teatro (Pedro Pulino), Música (Hellen Cardoso) e Quadrinhos (Luciano Menezes).

Os integrantes de nosso grupo compartilham de um interesse comum: a arte e suas manifestações sociais. Eis o nosso gozo! Pesquisar, discutir e experenciar a arte…

___________________________________________________________________________________________

ARTE

“Mais importante do que a obra de arte propriamente dita é o que ela vai gerar. A arte pode morrer; um quadro desaparecer. O que conta é a semente.”

Juan Miró

“A arte é um esforço para criar, além do mundo real, um mundo mais humano.”

André Maurois

Nascemos puros, nascemos a sós, nascemos e habitamos o mundo real. Absorvemos a estética, adquirimos memória e passamos para o mundo da realidade. Vivemos a pressa, vivemos o entendimento, vivemos os mitos. Criamos a vida à nossa maneira, à maneira da interpretação. A vida é mera criação, criação da nossa memória. Nós somos memória. Abordaremos aqui toda manifestação estética que nos ajude a continuar criando nossas vidas.

Matheus Mariani, graduando em Arquitetura e Urbanismo pela UFES.

___________________________________________________________________________________________

CINEMA

A arte realiza o homem em sua busca de si mesmo”

autor desconhecido

Das mais recentes expressões artísticas desenvolvidas pelo homem, o cinema tem deitado suas raízes sobre todos os cantos do mundo. Um filme é uma (arte) que não só leva à contemplação, mas à imersão, à vivência mesmo de uma outra realidade. Como tal, é terreno fértil à discussão, interpretação, análise…como toda arte. Fonte riquíssima para reflexões sociais!

Perdro Lukas Trindade, graduando em Ciências Sociais pela UFES.

___________________________________________________________________________________________

CULTURA POPULAR

“A cultura é o que satisfaz o homem quando ele se pergunta o que ele faz na terra”.

André Malraux

Pretendemos com este espaço divulgar eventos e discutir manifestações culturais diversas, bem como produzir pensamentos acerca do tema. A área é bastante abrangente, portanto, devem ser tratadas aqui desde as manifestações populares mais tradicionais, ritos e mitos populares, até aspectos daquelas mais específicas e menos difundidas.

Clara Crizio, graduanda em Ciências Socias pela UFES.

___________________________________________________________________________________________

HQ

“Não existe arte ruim, existem artistas ruins.”

Alejandro Jodorowsky

O polivalente artista, autor dessa frase, também é quadrinista. Ele quis dizer que a história em quadrinhos é um tipo de arte tão expressivo quanto as outras, dialogando entre o visual e o literário; terá seu valor explorado nesta seção mesmo sendo do fútil ao útil.

Luciano Menezes, graduando em Ciências Sociais pela UFES

___________________________________________________________________________________________

LITERATURA

“Um país se faz com homens e livros”

Monteiro Lobato

Ler é um privilégio. Privilégio de quem pode e de quem quer. Valorizar a literatura é um dever de quem aprecia essa forma tão menos popular de arte. Menos popular porque é solitária, se faz a um. Enquanto no cinema, na música, no teatro e noutras formas de expressão artística a apreciação se dá em grupo, na literatura o leitor conta consigo mesmo.

Por conta disso temos como meta incentivar a discussão literária, cultivá-la e produzi-la. Tarefa difícil, mas, como não haveria deixar de ser, muito prazerosa.

Pedro Pulino, graduando em Ciências Sociais pela UFES.

___________________________________________________________________________________________

MÚSICA

“Sem a música a vida seria um erro.”

Friedrich Nietzsche

A música está em toda a parte. A capacidade da humanidade de abstrair os sons, o faz ser universal. Sua essência está na capacidade sensível de interpretação de cada indivíduo. Além do prazer instantâneo ao ouvir uma obra musical e imaginar os movimentos formados pela relação musico-instrumento, podemos descobrir detalhes sobre o motivo pelo qual a música foi criada e assim entendermos suas críticas e repercussões diante da sociedade.

Neste espaço vamos abordar fenômenos musicais que expressam suas particularidades, sejam elas regionais, pessoais etc…, e que ao mesmo compasso unem mundos distintos à expressão única da arte musical.

Hellen Cardoso, graduanda em Ciências Sociais pela UFES.

___________________________________________________________________________________________

TEATRO

“Todas as artes contribuem para a maior de todas as artes, a arte de viver.”

Bertold Brecht

O Teatro é a arte de representar. Esse pensamento não é capaz de exprimir a essência que transborda do palco quando as cortinas se abrem. Não é só representação. É um ritual partilhado e construído por todos de pouco em pouco todos os dias. No palco a sociedade, e os indivíduos, encontra seu espelho e por esse espelho vislumbra suas medidas.

Pedro Pulino, graduando em Ciências Sociais pela UFES.